Fiberfab Aztec

Origem do Ferrar GT, Piraya, e Lorena GT


FIBERFAB - AZTEC

Mistral

Em 1956, Warren "Bud" Goodwin, Califórnia,  obteve licença para fabricar e vender nos Estados Unidos o modelo "Mistral" da empresa inglesa "Microplas Ltd.", através de sua empresa, a "Sports Car Engineering". Após dois anos esta foi vendida para a empresa "Du Crest Fiberglas".

Em 1964 Foodwin fundou a "Fiberfab", inicialmente para a produção de peças para Hot Rods, Corvettes,  e kts para modificar carros "Mustang".

No final de 1964 a "Fiberfab" começou a desenvolver carrocerias esportivas em fibra de vidro que se podiam montar com o mínimo de ferramentas em casa, utilizando a mecânica do Volkswagen Sedan (Beetle), e logo a seguir oferecendo também chassis tubulares onde podiam ser instalados motores V8, com o que se converteu em um dos fabricantes de Kit-Cars mais conhecidos.

A primeira carroceria desenhada pela "Fiberfab" foi 0 "Fiberfab GT", logo a seguir rebatizado de "Aztec GT", com um desenho influenciado pelos carros de corrida da época, que era montada sobre o chassis do Volkswagen Sedan (1200, 1300, ou 1500cc). O exito foi imediato tanto pelo desenho da carroceria como pelo seu preço de US$ 1,300.00. Era uma versão com a carroceria "flip-top", em que toda a parte superior da cabine abre para a frente. Em 1965 foi lançado um chassis reforçado que permitia a montagem do motor do Porsche 911, e logo a seguir uma versão conversível, denominada de "Azteca".

Com o sucesso do "Aztec", em 1965 foi lançado o "Aztec II" com um nariz mais longo e com um espoiler na parte traseira. Ele podia ser adquirido inicialmente com portas tradicionais (logo retirado de produção), na versão "flip-top", ou com as portas abrindo para cima (asa-de-gaivota).

Em 1966 teve início a fabricação dos modelos o "Aztec II" foi substituído pelos modelos "Avenger" e "Valkyrie", e em 1967 o "Aztec II" foi descontinuado.

A "Fiberfab" continuou  fabricando vários kit-cars (Valkyrie, Jamaican, Avenger, Aztec 7, GT-II, Caribee, Bonito, Centurion) e réplicas (MG-TD, Bugatti Type 35, etc) em suas fábricas na Califórnia, Pennsylvania, Flórida, e Alemanha, e produziu mais de 25.000 veículos. Em 1983 a "Fiberfab" foi vendida para a empresa "Classic Motor Carriages".

                                          Sites: http://www.fiberfab.us , e

                                                      http://members.shaw.ca/thefiberfabcars/

    


Mistral (1964)

 

   


Aztec (1964) - "flip-top"

   

   

   


Azteca (1864-1965) - conversível

   

   


Aztec II (1965) - portas tradicionais (muito poucos produzidos)

 

   


Aztec II (1965-1967) - "flip-top"

   

   

   

   


Aztec II (1965-1967) - "asa-de-gaivota"

   

   

   

   


Aztec II conversível (1966)

   

   


Anúncios e documentos Fiberfab Aztec

"Aztec" 1965

"Azteca" 1965

"Aztec II" 1966

"Aztec II" 1966

"Aztec II" 1966

"Aztec II" 1966

"Aztec" 1965

"Aztec II" 1966

 

 

 

 

Folheto de propaganda - 1966  (.pdf)

   

 

 

 

 

Folheto de propaganda - 1966

     

 

 

 

 

"Aztec" - 1965

 

Instruções de Montagem

Download (.pdf)

Fiberfab Europa

"Aztec II" - 1966

 

Instruções de Montagem

Download (.pdf)

 


Modelos a partir do Fiberfab Aztec


Veja também:


* * *